Páscoa: Futuro sacrifício do FILHO DE DEUS. Libertação de um povo.



A Páscoa: Qual é melhor: Ovo de coelho ou ervas amargosas?
Páscoa: Libertação de um povo para Deus
Todos os anos entre os meses de março e abril é feita a comemoração da páscoa em diversos países de tradição católica. Com suas diversas características de celebração, cuja principal força é o comércio de ovos de páscoa. Assim cada um segue como lhe der na cuca. Cuca essa que mistifica, desqualifica, a verdade do mandamento da páscoa e seu real significado.

Porquê foi instituído a páscoa?

Entende-se pela Bíblia, que a páscoa foi dita pelo Senhor Deus, o Eu Sou, para Moisés dizer ao povo israelita, que por ocasião estava escravo e prisioneiro do rei no Egito. Este povo havia clamado ao Senhor sua liberdade. Êxodo 1: 13,14 – E os egípcios faziam servir os filhos de Israel com dureza; assim lhes fizeram amargar a vida com dura servidão, em barro e em tijolos, e com todo o trabalho no campo; com todo o seu serviço, em que os serviam com dureza. Êxodo 2: 23-25 – E aconteceu depois de muitos destes dias, morrendo o rei do Egito, que os filhos de Israel suspiraram por causa da servidão, e clamaram; e o seu clamor subiu a Deus por causa de sua servidão. E ouviu Deus o seu gemido, e lembrou-se Deus do seu concerto com Abraão, com Isaque, e com Jacó; e atentou Deus para os filhos de Israel, e conheceu-os Deus.
O clamor da servidão denunciado a Deus fez o Senhor atentar para eles, e lhes providenciou um homem preparado por Deus desde o seu nascimento. Moisés mesmo falando aos israelitas, não o ouviam por causa da dura servidão. Êxodo 6: 9 – Deste modo falou Moisés aos filhos de Israel, mas eles não ouviram a Moisés, por causa da ânsia de espírito e da dura servidão. O Egito a nação poderosa da época, e seu rei. Somente alguém com força superior poderia livrar os israelitas. E esse alguém é o Senhor. Se você é escravo do rei deste mundo, e não tem força suficiente para buscar a libertação; clame pelo Senhor Jesus. Ele te liberta de todas as ânsias da tua vida. Deus diz a Moisés que o rei do Egito deixe ir o seu povo, mas como o rei é teimoso, Deus anuncia 10 pragas, que são juízos de Deus sobre a idolatria egípcia. Somente na décima praga, que é a mortandade dos primogênitos dos filhos dos egípcios, onde não houvesse na verga da porta, marcada com o sangue do cordeiro – Êxodo 12: 21,23; 8 - ... e disse-lhes: Escolhei e tomai vós cordeiros para vossas famílias, e sacrificai a páscoa. Então tomai um molho de hissopo, e molhai no sangue que estiver na bacia, lançai na verga da porta, e em ambas as umbreiras, do sangue que estiver na bacia... Porque o Senhor passará para ferir aos egípcios, porém quando vir o sangue na verga da porta, e em ambas as umbreiras, o Senhor passará aquela porta, e não deixará ao destruidor entrar em vossas casas, para vos ferir... E naquela mesma noite comerão a carne assada no fogo, com Pães asmos; com ervas amargosas a comerão. Observe que temos quatro elementos importantes no sacrifício da páscoa: o cordeiro, o sangue, o madeiro da porta, um de cada lado e um transversal, todos manchados com sangue de cordeiro naquela noite e também ervas amargosas. Você já pensou a forma do sacrifício do Cordeiro de Deus, que futuramente seria oferecida sua vida em resgate de muitos, deste mundo, levantado na cruz do calvário lá na cidade de Jerusalém em Israel? Somente depois que o povo sai apressadamente dos domínios do rei do Egito, é que, eles comem os pães asmos. Os pães asmos não têm fermento, significando a vida pura de Jesus sem pecado, sem sujeira. Isto tipificava Jesus o pão vivo que desceu do céu, para dar a vida eterna a todos que crêem como Salvador pessoal e sufuciente,(João 6:50,51,58,63)
Porque a páscoa comemorada tradicionalmente em nossos dias, não tem correspondência nenhuma com a páscoa ordenada pelo Senhor, com relação à libertação do povo de Israel, como está na Bíblia?

Estudei agropecuária e conheço muito bem, assim como você, que coelho não põe ovos. E ainda mais ovos de chocolate de coelho. Coelho não dá cria, é lebre. Desperta leitor. É muita burrice, dos que comemoram esse tipo de páscoa.
O diabo chegou ao extremo de colocar um coelho (animal listado entre os impuros, lado a lado com os porcos e outros. Ver: Levítico 11:5, 6, 7 e Deuteronômio 14.7,8), como representação do Senhor Jesus (o Cordeiro, ICoríntios 5:7). E todos concordam! É lamentável ver esta tradição extremamente viva no meio de muitas denominações.
A páscoa com esses elementos: ovos de chocolate de coelho, cerveja, música mundana, rituais religiosos que são vãos; é festa pagã, que Satanás te oferece, para você continuar na incredulidade e dúvida. Ele te oferece tudo isso em lugar do sacrifício do Cordeiro Pascal (Jesus Cristo), que já tudo consumou para tua salvação. Nada é preciso tu fazeres. É só aceitares a Ele como teu único Salvador. Pois Ele é o Todo-poderoso Senhor, que te tira da força maligna deste mundo dominado por Satanás. Que esperas? Conheças uma igreja evangélica, onde é pregada a verdade pura do evangelho do Senhor Jesus Cristo, único Deus verdadeiro. Os outros deuses e ídolos são mentira, e todos é coisa vã. Como Jesus instituiu o simbolismo dos elementos da Nova Aliança, como está nos evangelhos? Foi assim como está escrito na Bíblia no Novo Testamento: Jesus instituiu a ceia como memorial da Nova Aliança, em substituição à Pascoa, representando o seu sacrifício vicário na cruz, como está na Palavra de Deus: "E, tomando um pão, tendo dado graças, o partiu e lhes deu, dizendo: Isto é o meu corpo oferecido por vós; fazei isto em memória de mim. Semelhantemente, depois de cear, tomou o cálice da Nova Aliança no meu sangue derramado em favor de vós, Lucas 22:19, 20". Como vemos na Santa Ceia do Senhor só tem dois elementos: "O pão asmo, que representa o seu corpo sem pecado; e o vinho, que representa seu sangue derramado na cruz do Calvário pelo nossos pecados". É isto que se chama Nova Aliança ou Novo Testamento consumado na cruz por Jesus Cristo, João 19:30. Aceite a Cristo.


Analogia do cordeiro com Jesus Cristo
> Gênesis 3:21, Um cordeiro por pessoa. No Édem Deus matou um animal para vestir nossos primeiros pais.
> Êxodo 12:3-4, Um cordeiro por família. Na noite da Páscoa, um cordeiro para mais pessoas, uma família.
> Levítico 16:15-16, Um cordeiro pela nação. No monte Sinai Deus orientou que um cordeiro deveria ser morto pela nação
> João 1:29, Um cordeiro pelo mundo inteiro.
Antes de Jesus iniciar seu ministério, João Batista anúnciou o cordeiro. Este cordeiro veio para sofrer e pagar nossos pecados.
I Coríntios 11:23-34 - A Ceia do Senhor.
Suou sangue - Lucas 22:44
Foi amarrado, açoitado e coroado com espinhos - Mateus 27: 2,26,29
Foi espancado na cabeça - Mateus 27:30
Carregou a cruz - João 19:17
Foi crucificado - João 19:18
Teve sede - João 19:28
Tanto sofrimento que perdeu a beleza física - Isaías 53:2

Faça seu comentário.

Postar um comentário

Compras no site TiagoNeto

Pesquisa personalizada